Polícia prende pai que aparece em vídeo espancando filho de 2 anos em Madre de Deus

Desde que os policiais tiveram acesso aos vídeos, foi iniciado uma caçada por um homem identificado como Cássio Souza da Gloria, de 23 anos. Em um vídeo, o homem aparece batendo no próprio filho de apenas 2 anos.

As imagens foram divulgadas na quinta-feira, (29), e ganharam repercussão na internet. Cássio estava com a cabeça a prêmio e estava sendo procurado pela polícia.

As imagens são revoltantes. Nos vídeos divulgados o homem aparece humilhando a criança, filho biológico dele. Em uma das cenas o menino está dentro do quarto e o pai coloca um saco plástico na cabeça com a intenção de sufocar. Depois começa a xingar a criança.

O outro vídeo é ainda mais chocante. O menino recebe vários tapas na cabeça. A agressão é uma forma de pressionar a mãe do garoto para que a ex-companheira reatasse o relacionamento.

A prisão
O comandante do 3º Pelotão de Madre de Deus, tenente PM Eder Souza, disse ao portal de noticias Madre sem Média, que desde o primeiro momento que recebeu a denúncia sua equipe estavam empenhado na captura do pai agressor.

“Mediante as informações que chegaram na manhã deste sábado (1º), através de denúncia anônima, conseguimos identificar o endereço onde o agressor estava escondido, na rua Alameda Rosa”, disse o policial militar.
Ainda de acordo com o tenente Eder, o homem estava escondido em uma casa, e uma outra pessoa estaria levando alimentos para o marginal.

A denúncia
A mãe do menino mandou os vídeos para a polícia e denunciou que as agressões seriam uma forma do ex-companheiro e pai do menino se vingar pelo fim do relacionamento. Ela agora está com o acriança morando no interior do estado.

A revolta
À medida que o vídeo foi se tornando cada vez mais viral, as vozes ficaram mais altas no mundo digital pedindo que os policiais procurassem o pai que espancou o menino.

Em um vídeo divulgado, o suposto pai, aparece apanhando de supostos integrantes de facção, que ficaram indignados com a atitude do pai. Desde então, o agressor não teria sido mais visto.

O homem foi localizado e apresentado na 17ª Delegacia de Madre de Deus e está a disposição da justiça.

Siga o Madre sem Média  no Insta, Facebook e Twitter. Quer mandar uma denúncia ou sugestão de pauta, mande WhatsApp para (71) 98750 – 7370. Nos insira nos seus grupos!

Sobre madresemmedia 2507 Artigos
A MADRE SEM MÉDIA é um site de notícias da internet que oferece conteúdo online para todo o estado da Bahia, com foco para os municípios de Madre de Deus (sede). São Francisco do Conde, Candeias, São Sebastião do Passé, Santo Amaro, Simões Filho.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*