Paulinho se coloca à disposição para ser vice e diz que Dailton Filho é um homem de palavra

O presidente da Câmara de Madre de Deus, Paulinho de Nalva (Republicanos) disse na sessão desta terça-feira (14), que se for a vontade de Deus e do povo deixará seu nome à disposição para ser vice-prefeito na chapa do PSB liderada por Dailton Filho.

“Eu tô apto a ser o vice de Dailton Filho pra compor essa chapa, e essa chapa vai ser vitoriosa”, afirmou.

Segundo Paulinho, o prefeito Jailton Polícia (PTB) tem falado para moradores da cidade que ele é traidor.

Logo depois, o parlamentar endurece as críticas e ironiza jailton, afirmando que não era ele que andava pela 6ª vara, 7ª vara com os vereadores de oposição querendo derrubar Jeferson, enquanto estava no governo.

Paulinho afirmou que sempre teve lado, e que quando deixou o governo foi homem para dizer a Jeferson Andrade que iria apoiar Dailton Filho, ‘não falei em nenhum momento que iria apoiar Jailton’. Depois, pondera, apontando que o prefeito tem todo direito de disputar as eleições.

O presidente disse ainda que recebeu informações de um pré-candidato do republicanos que acompanha o governo que prefeito Jailton está tentando esvaziar o partido para prejudicar ele e a vereadora Joyce Lima.

Ele segue destacando que o comportamento de Jailton é diferente de Dailtopn Filho que colocou pré-candidatos no PTB e pediu que eles permaneçam: “Isso que é homem de palavra”.

O vereador agradeceu o voto da vereadora Jodiane Alves (PTB), mas apontou que só contou com um voto do então vice-prefeito Jailton na disputa pela presidência da Casa.

“Me chamam de traidor, mas quiseram destituir a mesa, quiseram me arrancar da presidência”, disse Paulinho, dando a entender que falava de Jalton. Segundo ele, os vereadores garantiram que não iriam apoiar a decisão de afasta-lo da presidência.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*