Professor tem pênis decepado a golpes de facão em Candeias após marcar encontro

Um professor identificado como José Adilton Almeida, teve o pênis amputado a golpes de facão, no domingo (12), em Candeias, na região metropolitana de Salvador. A Polícia Civil investiga o caso como lesão corporal e crime de homofobia. A autoria ainda está sendo apurada.

De acordo com a polícia, a vítima foi atacada durante um encontro marcado com um homem, via redes sociais. Na ocasião, o suspeito apareceu com outros três homens, armados com facão, que atacaram a vítima.

José Adilton foi socorrido para o Hospital Geral do Estado, em Salvador. Ele permanece internado, mas não há detalhes do estado de saúde. O caso é investigado pela 20ª Delegacia Territorial (DT/Candeias).

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*