Melk aponta governo paralelo, reclama de fogo amigo e dispara: “Não devo nada a nenhum desses senhores”

O vereador Pastor Melk (SD) afirmou sem citar nomes durante pronunciamento na Câmara de Madre de Deus na última terça-feira (27) que existe um governo paralelo na prefeitura.

“Pra mim é repúdio total”, declara o parlamentar que destacou que não vai esquecer isso e garante que vai falar sobre o assunto abertamente.

“Porque eu não devo nada a nenhum desses senhores. Não devo nada! Se estou aqui hoje, vereador no meu terceiro mandato, agradeço a Deus e aqueles que acreditaram no mandato”, disse.

Melk afirma que depois vai citar o nome de um por um, apontando que eles querem tirar uma de boa atualmente.

Quer tirar uma de maioral, quer estabelecer o governo paralelo, não devo nada a nenhum deles”, disse.

O vereador chamou a atenção do prefeito Dailton Filho (PSB) apontando que a pior coisa que existe é “fogo amigo” e recomenda que o gestor deve demitir. Segundo Melk, o prefeito precisa ter pessoas fiéis ao lado dele.

“Essa turma me dá nojo”, dispara. O vereador ainda mandou um recado em forma de código, declarando para aqueles que sabem de quem ele está falando.

“Já diz um ditado: quem espera pra ver, ver demais. Então para de ficar esperando pra ver”, disse.

Publicidade

Sobre madresemmedia 1946 Artigos
A MADRE SEM MÉDIA é um site de notícias da internet que oferece conteúdo online para todo o estado da Bahia, com foco para os municípios de Madre de Deus (sede). São Francisco do Conde, Candeias, São Sebastião do Passé, Santo Amaro, Simões Filho.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*