Delmar encerra folia na quarta-feira de cinzas com arrastão Confete e Serpentina em Madre de Deus

Em Madre de Deus a folia aconteceu até a quarta-feira de cinzas. É quando os foliões que trabalham durante Carnaval, conseguem finalmente aproveitar um pouco da festa proporcionada pela prefeitura. Com direito a trio elétrico, carro-pipa, spray e muita diversão, resquícios da animação do Carnaval Confete e Serpentina.

Mesmo sob o sol escaldante, centenas de foliões lotaram a avenida Francisco Leitão para dançar as consagradas marchinhas de carnaval ao som de Delmar. Com um vasto repertório, é um dos artistas mais conhecidos da região.

Tarsila Dias, de 45 anos, aproveitou a folia desde o primeiro dia, apesar do cansaço, ela ainda esbanjava energia. “ Moro em Madre de Deus e todos os anos eu participo do arrastão da quarta-feira de cinzas, com o bloco dos Garis e acompanho o bloco dos vagabundos. É um bloco que a cada ano atrai mais gente, tanto pessoas daqui, como pessoas de fora, mas sempre mantendo essa tranquilidade”, disse a foliã acompanhada do marido Antônio Raimundo de 55 anos. Ele que participa do arrastão há 6 anos, também demonstrava muita disposição. “É contagiante”, resumiu.

Antes de seguir pelo circuito oficial, o prefeito Jeferson Andrade agradeceu o trabalho dos envolvidos no carnaval. “Agradeço a todos os colaboradores que ajudaram a fazer desse carnaval um dos melhores. Parabéns aos artistas, grupos culturais e foliões. Fechamos mais um carnaval com chave de ouro”, disse.

A abertura oficial da folia aconteceu na quinta-feira (20) por volta das 21h, com o tradicional baile puxado pela banda Bailinho de Quinta, após a realização do concurso que escolheu o Rei Momo, Rainha e Princesas do Carnaval, além da rainha mirim.

Delmar Silva – Músico madredeusense.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*