Malafaia parte para o ataque, acusa Rui de “nomear um ladrão” e dispara: “me processa, vagabundo”

Presente na comitiva presidencial em Tanhaçu, interior baiano, o pastor Silas Malafaia discursou ao público presente e partiu para o ataque contra o governador Rui Costa (PT). Ao lado de Jair Bolsonaro (sem partido), ministros e deputados, o líder religioso acusou o petista de contratar “um ladrão”, como ele mesmo referenciou, ao tempo que citou o caso da compra fracassada dos respiradores por parte do Consórcio do Nordeste no ano passado.

O líder evangélico ainda disparou em sua fala: “me processa, vagabundo”.

“Só para lembrar a vocês que o dinheiro que o governo federal mandou para as prefeituras e governos estaduais, dava para fazer mais de 40 mil leitos de UTI de ponta […] mas o dinheiro foi roubado na maior safadeza. O governador da Bahia nomeou um ladrão, estou chamando aqui, manda ele me processoar, o governador nomeou um ladrão chamado Carlos Gabas. Me processa, vagabundo! Esse cara comprou R$ 49 milhões em respiradores, pagou à vista antecipadamente a uma empresa de maconha e os respiradores nunca chegaram”, declarou.

Publicidade

Sobre Redaçã[email protected] Madre sem Média 1723 Artigos
A MADRE SEM MÉDIA é um site de notícias da internet que oferece conteúdo online para todo o estado da Bahia, com foco para os municípios de Madre de Deus (sede). São Francisco do Conde, Candeias, São Sebastião do Passé, Santo Amaro, Simões Filho.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*