Vereadores criticam Jailton e apontam que governo não tomou providência sobre a invasão: “Prefeito de brinquedo”

As críticas foram direcionadas ao terreno público que foi invadido por um grupo de pessoas no bairro da Cururupeba, em Madre de Deus.

Os vereadores Juscelino Silva (SD) e Marden Lessa (PSB) fizeram duras críticas ao prefeito de Madre de Deus Jailton Polícia (PTB) na Câmara Municipal na tarde de terça-feira (2).

As críticas foram direcionadas ao terreno público que foi invadido por um grupo de pessoas no bairro da Cururupeba, em Madre de Deus.

Juscelino disse que a invasão é absurda e lembrou que uma outra área também foi invadida há 20 anos.

“A gestão pública não tá tomando providência, um terreno público, um terreno que é da nossa sociedade. Ora, os invasores muitos deles tem casa, muitos deles trabalham na prefeitura. Resume-se que o quê? Tá sem comando a nossa cidade! Se o prefeito é interino ou não ele tem que fazer jus a interinidade dele”, reclama.

Marden destaca que a maioria das pessoas que estão na linha de frente são teleguiados e direcionados pelo “governo incompetente” e “inoperante” de Jailton Polícia.

Ela completa apontando que não vai aceitar que assessores que tenham relação direta e familiar com o gestor estejam liderando um “motim”, enquanto a prefeitura não reivindica a reintegração de posse do terreno público. O vereador sugere que Jailton peça a secretário de desenvolvimento social para ir no local identificar e cadastrar as pessoas que precisam de moradia.

“Mas se sabe porque o prefeito não faz isso? Porque ele é acostumado a incentivar baderna, ele é acostumado a incentivar essas invasões”, disse Marden.

Parque Industrial de Madre de Deus.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*