Mulher é presa após se recusar a ser atendida por negros

Caso ocorreu em delicatessen no bairro da Pituba; PM negro também foi ignorado pela mulher

Uma mulher foi presa no último sábado (6) em uma delicatessen do bairro da Pituba após se recusar a ser atendida por dois funcionários negros do estabelecimento. Segundo informações do jornal Correio, a mulher já era frequentadora do local e sempre recusou ser atendida pelos dois funcionários.

“Sempre que nos aproximávamos, ela virava as costas, fazia de conta que não tinha ninguém ali falando com ela. Se um colega de cor mais clara se aproximasse, ela aceitava o atendimento. Dessa vez foi necessário uma outra cliente se revoltar com a atitude dela para que a polícia fosse chamada”, afirmou um funcionário.

A polícia se deslocou até o local e conteve a fuga da agressora. Durante a abordagem, um policial, também negro, foi ignorado pela senhora. “Todas as vezes que tentava conversar, ela subia o vidro do carro, daí quando um colega de pele clara se aproximava e fazia uma tentativa de diálogo, ela aceitava”, relatou o PM.

A mulher foi conduzida para a Central de Flagrantes da Polícia Civil onde segue custodiada.

“Siga o Madre sem Média, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Fale conosco: 71 9 8750 7370“.

 

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*