Nos pênaltis, Bahia vence o Ceará e conquista a Copa do Nordeste

***FOTO EMBARGADA PARA PERNAMBUCO*** SALVADOR, BA, 24.05.2017: COPA-NORDESTE - Bahia conquista o título de campeão da Copa do Nordeste - Partida entre Bahia e Sport, válida pela final da Copa do Nordeste de Futebol 2017, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).(Foto: Diego Nigro/JC Imagem/Folhapress)

E deu Bahia na decisão da Copa do Nordeste! Em uma partida emocionante até o fim, na tarde deste sábado (8), na Arena Castelão, o Tricolor fez 2 a 1, deixando o placar agregado empatado – na ida, o Ceará havia feito 1 a 0, no Pituaçu. O quarto título da equipe de Salvador na competição veio nas penalidades.
Nos primeiros minutos, a equipe do Ceará tentou sufocar o Bahia em seu campo de defesa. Com Mendoza sendo o homem mais acionado, as jogadas aconteciam mais pelo lado esquerdo, porém o único lance de maior perigo ocorreu aos 8 minutos, na cabeçada de Oliveira, meio desequilibrado, dando muito trabalho ao goleiro Matheus que, por sua vez, conseguiu fazer a defesa.

Até meados dos 30 minutos, o time mandante mantinha o mesmo ritmo. Entretanto, mesmo com a velocidade de seus atacantes, foram poucos os lances que exigiram do arqueiro rival, mantendo o placar sem alterações.

Por outro lado, o Esquadrão pouco aventurava-se em seu campo de ataque. Em uma das poucas chegadas, o único chute saiu dos pés de Matheus Bahia, mas a bola acabou indo para a rede do lado de fora.

Com o tempo passando, a equipe de Dado passou a não ficar apenas recuada esperando o adversário atacar. Sendo assim, foi pra cima do Vozão na expectativa de encontrar seu tento, quase conseguindo marcar com Rodriguinho em uma primeira tentativa e, momentos depois, Richard mostrou que estava atento conseguindo parar Thaciano por duas vezes.

Porém, os comandados de Guto não ficaram para trás. Apostando em Mendoza, Vizeu e Lima, a melhor finalização saiu dos pés do colombiano que quase acertou o ângulo do camisa 32.

Assim como foi na primeira etapa, a equipe local reiniciou o duelo conseguindo pressionar o Tricolor. Entretanto, mesmo com a pressão inicial, novamente as finalizações não surtiram efeito como na cobrança de falta de Vina, mas a bola acabou subindo muito.

Com o tempo passando, a equipe do Bahia não desanimava e também seguia buscando seu tento. Até que conseguiu. Aos 16 minutos, depois de um lance na área a bola acabou batendo na mão de Luiz Otávio, com direito ao árbitro checando o VAR, e marcando o pênalti logo em seguida.

Na cobrança, o camisa 10, Rodriguinho, com toda sua calma, bateu forte, com segurança, vendo Richard cair para o outro lado. 1 a 0.

E a equipe de Dado não queria saber de tirar o pé do acelerador mesmo após o tento marcado. Sendo assim, em uma nova chegada ao seu campo de ataque, Gilberto recebeu em boa posição conseguindo ajeitar para bate rasteiro sem chances para o camisa 1 do Vozão. Era o segundo dos visitantes.

Com algumas substituições promovidas por ambos os treinadores, em uma delas Guto optou por colocar Jael em campo no lugar de Felipe Vizeu. E brilhou a estrela do atacante. Em um cruzamento pelo lado direito de Marlon, que também havia entrado momentos antes no lugar de Oliveira, cruzou na medida na cabeça de seu companheiro de time que mandou para o fundo das redes de Matheus Teixeira. 2 a 1.

Com o placar agregado em 2 a 2, o título acabou sendo definido nas penalidades máximas. Depois de nove cobranças, o Esquadrão acabou levando a melhor batendo o rival por 4 a 2, garantindo assim a taça da Copa do Nordeste em 2021.

Agora, tanto a equipe de Dado quanto a de Guto voltar as atenções para a Copa Sul-Americana. Na próxima quarta-feira, o Vozão receberá o Arsenal de Sarandí, enquanto o Tricolor, um dia depois, na quinta-feira, encara o Guabirá na casa dos bolivianos.

Publicidade

Sobre Redaçã[email protected] Madre sem Média 1723 Artigos
A MADRE SEM MÉDIA é um site de notícias da internet que oferece conteúdo online para todo o estado da Bahia, com foco para os municípios de Madre de Deus (sede). São Francisco do Conde, Candeias, São Sebastião do Passé, Santo Amaro, Simões Filho.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*