Aranhas ‘gigantes’ apavoram moradores de BH; veja vídeo


Nos últimos dias, as redes sociais de belo-horizontinos foram tomadas por relatos apavorantes feitos por moradores da região Oeste da capital. Todas essas histórias têm um ponto em comum: um tremendo susto causado por aranhas enormes que aparecem nos lugares mais inusitados dentro de casa. A presença dos bichos – que têm uma picada dolorosa, mas pouco tóxica – retrata um problema mais grave existente na cidade (veja abaixo).

Em uma das casas, no bairro Havaí, a aranha foi encontrada durante uma faxina, conforme contou a moradora ao BHAZ. “A faxineira estava limpando o meu banheiro e viu a aranha no teto. Aí ela foi tentar espantar, a aranha caiu dentro do box e continuou andando”, relata Alessandra Aquino de Abreu.

Com medo, as duas mulheres mataram o bicho, mas Alessandra conta que a preocupação não diminuiu. “Foi a primeira vez que isso aconteceu, então eu fiquei muito preocupada mesmo. Até mandei mensagem para um tio meu, que é biólogo, para perguntar se dedetização resolveria”, lembra.

Além da aflição provocada pela aranha, o medo da moradora é que a família seja exposta a riscos com as “visitas” desses animais. “Eu tenho duas crianças em casa, uma de 2 anos e uma de 5, e o meu tio falou que a atenção maior deve ser com elas, então fiquei bastante preocupada sim”, afirma.

Após a divulgação das imagens outras pessoas também relataram que já encontraram aranhas parecidas em casa.
A pedido do R7, Richard Torres, pesquisador do setor de aracnologia do departamento de zoologia da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) constatou que a aranha encontrada no local é da espécie Phoneutria sp. Ou seja, de fato, é uma armadeira, conforme previsto pelos bombeiros. Os reflexos da picada variam de pessoa para pessoa, mas pode ser mais grave em crianças.

— Existem apenas duas famílias de aranhas que não são venenosas. Temos que ficar em alerta com quatro grupos que são mais perigosos para os humanos: a armadeira, viúva-negra, aranha-marrom e caranguejeiras.

Segundo especialistas, a picada de uma aranha armadeira pode causar dor, inchaço e vermelhidão na pele, além de poder provocar aceleração cardíaca, aumento de pressão, vômito e diarreias.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*