Pais são presos por estuprar e matar bebê em Candeias

Criança de apenas cinco meses não resistiu ao espancamento

Um casal foi preso nesta segunda-feira (5) acusado de espancar e estuprar a filha, um bebê de apenas cinco meses, em Candeias, na Região Metropolitana de Salvador. A filha de Elissandro Silva e Marileide Santos morreu em um hospital por conta dos ferimentos sofridos.

Os dois suspeitos, ambos de 28 anos, foram autuados pela delegada Iola Nolasco Faria, titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Candeias.

O Conselho Tutelar foi acionado depois que a pequena Joice Araújo dos Santos Silva foi levada para uma unidade de saúde da cidade com graves ferimentos em um dos olhos e na região genital. A mãe alegou que a bebê estava com conjuntivite e por isso foi levada para o hospital.

Uma guarnição da Polícia Militar foi chamada ao hospital e levou os pais para a Deam. De lá, o casal foi levado ao sistema prisional. Eles vão responder por homicídio qualificado e estupro.

 

Do: Correio*

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*