Prefeituras de Madre de Deus, Candeias e São Francisco do Conde resolvem manter comércio fechado como prevenção contra Covid-19

No último dia 28, em uma videoconferência entre gestores municipais das cidades citadas, foi decidido que, com as exceções dos serviços essenciais, continuam suspensas as atividades comerciais nestes municípios. A decisão foi tomada de forma conjunta pelo Consórcio Somar, composto pelas prefeituras das três cidades. Dentro em breve será realizada uma nova reunião virtual entre os gestores para avaliar sobre esta e outras ações de combate à pandemia do novo Coronavírus.

O principal ponto do debate foi a questão do isolamento das pessoas, imposto devido ao risco de contaminação com o COVID-19 versus os prejuízos que esta situação acarreta para a economia das cidades e também para a situação econômica dos cidadãos.

“Nós, gestores municipais, obviamente, estamos sensíveis aos prejuízos que esta situação está acarretando para os comerciantes, ambulantes, enfim, para quase todos os trabalhadores e moradores da cidade. E, dentro do possível, estamos realizando ações de auxílios emergenciais que não resolvem o problema, mas amenizam. Mas, neste momento, optar pela quarentena e isolamento é salvar vidas. Os exemplos internacionais demonstram as catástrofes que ocorreram em locais onde a opção não foi o isolamento social”, afirmou o prefeito de Madre de Deus Jeferson Andrade, presidente do Consórcio SOMAR.

Participaram também da reunião virtual o prefeito de Candeias, Dr. Pitágoras, a secretária de Saúde de Madre de Deus, Naiara Cardoso, e as secretárias de Saúde de São Francisco do Conde, Eleuzina Falcão, e de Candeais, Soraia Cabral. Também estiveram no encontro virtual o secretário-executivo do Consórcio SOMAR, Djalma Machado, o assessor jurídico do consórcio, Roberto Soledade, e Mirza Viana, assessora técnica da Secretaria Municipal de Saúde de Madre de Deus.

” _O COVID-19 está num estágio no Brasil de transmissão comunitária, e nossos municípios estão localizados geograficamente entre Salvador e Feira de Santana, que são cidades onde há casos comprovados de pessoas contaminadas com o novo Coronavírus”, afirmou a secretária municipal da Saúde de São Francisco do Conde, Eleuzina Falcão.

Já o prefeito de Candeias, Dr. Pitágoras, afirmou: ” sabemos que as medidas de confinamento são duras, mas necessárias para evitar a entrada desse vírus em nossa cidade. A nossa região se conecta com as fronteiras, mas também com laços familiares e de amizade entre nosso povo. Continuaremos com o comércio fechado, excetuando as atividades essenciais, e a união dos prefeitos da região é para diminuirmos os impactos econômicos e sobretudo proteger vidas “.

Outras medidas coletivas para o combate e prevenção do coronavírus estão sendo estruturadas e devem ser anunciadas em breve.

Assessoria de Imprensa
Consórcio SOMAR
(71) 99238-3045

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*