Não há registro de homicídio em Madre de Deus nos últimos 12 meses

Dados da 17ª/ DT Delegacia Territorial mostram que nos últimos 12 meses Madre de Deus não teve registro de homicídio doloso — quando há intenção de matar. Além disso, não houve registro de tentativa de Homicídio na cidade. O último assassinato aconteceu no dia 11 de agosto, na Rua do Campo, no Centro da cidade. A Polícia Militar e Civil intensificou às ações de combate a violência.

De acordo com o Tenente Marcos São Pedro, comandante do Policiamento da PM na cidade, um dos fatores que contribuíram para redução dos índices de criminalidade foram as diversas operações realizadas. Ele ressalta as operações em parceria com a 17ª Delegacia Territorial, e aponta à Operação Alvorada das 4h30 às 7h30- que posiciona as viaturas em pontos estratégicos visando inibir assaltos a transeuntes e demais modalidades de crime, e que ocorre todos os dias na entrada da cidade e em diferentes pontos.

A delegada Marcele Guerra aponta que “as denúncias anônimas aumentaram muito” e a “população colaborou muito ajudando a localizar os alvos prioritários”. Marcele completa destacando que “o combate ao tráfico tem sido de fundamental importância para diminuição dos homicídios, tendo em vista que os homicídios que ocorreram antigamente tinham relação com a briga entre facções por conta de vendas de drogas”. Ela também apontou que resultados para redução da violência foi alcançado em “parceria com os policiais militares”.
Antes de Marcele assumir a delegacia da cidade foram registrados em 2017, até o mês de junho, seis homicídios na cidade.

Para o prefeito Jeferson Andrade os números na redução da violência são o resultado de investimento em políticas públicas para as crianças e juventude. O chefe do Executivo ressalta que “não há nada como viver com a sensação de segurança”, e destaca, que a “estatística é o resultado de um trabalho social, com foco na formação das crianças e adolescentes”.

” Não se combate a violência com mais violência. Se constrói a paz fazendo a juventude sonhar com um futuro melhor”, completa o gestor.
O município conta com uma rede de educação municipal em tempo integral. Além disso, os jovens participam de cursos gratuitos pré-Enem e pré-Ifba.

Publicidade

1 Comentário

  1. É muito bom/otimo morar em uma cidade tranquila e segura, onde a segurança publica trabalha com energia,Policia so incomoda a quem anda fora da Lei. Deus no comando (N.R.).

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*