Liberação da posse de arma pode abranger 76% da população brasileira

De acordo com levantamento do Estadão, 76% de toda a população poderão ser incluídos no decreto que o governo Jair Bolsonaro está planejando para que a posse de arma de fogo seja facilitada.

Bolsonaro pretende associar a liberação simplificada para os cidadãos que morem em municípios onde a taxa de homicídios por 100 mil habitantes é superior a 10. Ainda segundo o Estadão, o decreto atingiria 3.485 das 5.570, o que representa 62% das cidades do Brasil.

Nas mais de 3 mil cidades em que a posse seria permitida, ao todo, vivem 159,8 milhões de pessoas, o que equivale a 76% da população brasileira. No entanto, para que um cidadão tenha a liberação, é preciso apresentar justificativa de “efetiva necessidade”, além de prestar exames psicológicos e de capacidade técnica.

De acordo com o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, o decreto deve sair na próxima semana.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*