Após ser chamado de “picareta” empresário rebate vereador: “Insignificante”

O empresário Ivanilson Souza divulgou em seu perfil no Facebook um vídeo em resposta as declarações do presidente da Câmara de Madre de Deus, vereador Marden Lessa (PC do B), que o chamou de “picareta” durante a sessão de terça-feira (30).

“Pra mim hoje também você (Marden) passou a ser uma pessoa insignificante. Pra mim você não existe e me trate da mesma forma, faça de conta quando me vê que eu não existo. Ok! Então assim, não faço questão que você, o seu dinheiro entre na minha loja”.

O empresário ressalta que o parlamentar teria feito uma sessão dedicada a ele, por isso, fez um vídeo em resposta ao vereador.

“Você como figura púbica deveria ser um pouco mais humilde. Você não precisa gritar tanto, pode falar baixo que agente vai entender a sua mensagem. Você cometeu um erro e pra concertar seu erro você está querendo me atacar. Vou te dizer o seguinte, você não vai me atingir em nada, pelo contrário, eu estou achando que você está querendo me promover porque quando você atacou os comerciantes, todos os comerciantes que votaram em Bolsonaro, que não foi só Sinho”, disse.

Segundo o empresário que também é presidente da Associação de Comércio e Indústria de Madre de Deus (ACIM), a categoria “merece respeito”.

“Quando você percebeu a merda que você fez, a cagada que você fez, pra concertar você tentou achar um alvo para atingir e tentar corrigir seu erro e não conseguiu”, completa.

— As declarações confrontaram o parlamentar que aumentou o tom do discurso na Câmara.

De acordo com Marden, o presidente da ACIM parou a cidade durante o aniversário de emancipação política para chantagear o poder público.

“Essa mesma associação que tem relação política partidária, não estou falando do pessoal. Eu quero que o senhor Sinho, diga ao público de Madre de Deus se a associação já teve algum cargo indicado na prefeitura, em espacial na secretária do Sedec? Eu quero que o senhor Fale senhor Sinho”, relatou o vereador.

O parlamentar ainda ironiza: “Querem se aparecer, na feira dia de quinta de noite vende melancia dia de sexta também, pendure no pescoço e saí pela cidade”.

Durante seu discurso de pouco mais de 15 minutos, o vereador tentou justificar que não tinha problemas com os comerciantes apenas com o presidente da ACIM.

A divergência entre o vereador e o empresário ganharam as redes sociais, e o político tem recebido diversas críticas.

 

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*