Empresário é detido em operação denominada “Gato Net” contra provedor clandestino de internet

Foto: Reprodução / Secom

O empresário Ederaldo dos Santos Mota, dono da empresa EE Telecom, foi detido pela Polícia Civil na noite de quinta-feira, (11), em Salvador, suspeito de comandar um esquema de provedor clandestino de internet. A operação, denominada de Gato Net, interditou ainda uma das quatro unidades da companhia. As informações são da Secretaria Municipal de Comunicação (Secom).

De acordo com a Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor de Salvador (Codecon), vinculada à Secretaria de Ordem Pública (Semop), a empresa é acusada de manter o suposto fraudulento no bairro de Itapuã, com equipamentos, cabos e baterias, furtados da operadora de telefonia Oi, além de utilizar gatos de energia elétrica.

Ao todo, cinco autos de infração foram emitidos. Entre as irregularidades encontradas pela fiscalização, estavam a inexistência de contrato da prestação dos serviços, não fornecimento de notas fiscais e falta de informação de preços praticados.

Uma das três filiais foi autuada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) por não apresentar liberação para funcionamento, pois estaria em desacordo com as normas da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*